O que é um Recrutamento Preditivo? Como ele acontece?

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

Prever o grau de sucesso de um profissional em uma posição agora é uma realidade 

Acredite, o Recrutamento Preditivo pode prever quais são as chances de adequação do profissional em um cenário futuro. Os modos tradicionais de realizar os processos de Recrutamento e Seleção estão se tornando obsoletos. Afinal, os modos tradicionais não são capazes de analisar o potencial dos candidatos e suas reais chances de adaptação para um determinado cargo, cultura empresarial e equipe de trabalho. 

Inseridos em um mercado cada vez mais competitivo é preciso adotar mecanismos inovadores que possam otimizar a recolocação e inserção de profissionais. 

Precisão, essa é a palavra! 

Pesquisas do setor da psicologia organizacional apontam que 17% dos profissionais abandonam seus cargos nos primeiros seis meses de trabalho ou seja, prejuízo de: 

  • Recursos financeiros; 
  • Tempo de treinamento; 
  • Capital humano. 

O Recrutamento Preditivo leva em conta a motivação, as habilidades cognitivas e o fit cultural. 

Por que a motivação no ambiente de trabalho é importante? 

As organizações passaram a entender  que  a MOTIVAÇÃO era um diferencial na atração e retenção de talentos. Os estudos na área mostram uma evolução em diversas práticas para fortalecer a gestão da motivação no ambiente de trabalho. 

Contudo para ser efetivo era necessário um método de visualização dos fatores que geram engajamento. O conceito é simples: trata-se de implantar métricas dos recursos humanos (People Analytics). Para assim, mensurar em dados: valores, clima, cultura e os aspectos motivacionais que geram engajamento no seu time possibilitando aplicar o fit cultural nos seus processos de gestão de pessoas. 

Como mensurar a habilidade cognitiva pode ser estratégica? 

Já imaginou ter em suas métricas dados como: velocidade raciocínio, estilo de tomada de decisão, nível de precisão das análises e conhecer como o profissional obtém novos conhecimentos? Essa é a proposta dos modelos mais atuais das avaliações cognitivas. O modelo preditivo proporciona informações em qual cargo ou atividade um determinado perfil terá mais sucesso.  

Fit Cultural tem uma importância única nesse processo. Através dele é possível gerar um ganho de engajamento e performance. A tecnologia tem estado cada vez mais presente no mundo corporativo e dando todo suporte, através de dados para tomadas de decisões mais assertivas. 

O uso de softwares de análise comportamental no trabalho auxilia a rotina de diversos setores e o Recursos Humanos é a peça fundamental por fora dessa nova forma de administrar, entender e visualizar os processos. Acreditem, o recrutamento preditivo promete mais eficiência e otimização dos recursos. O recrutamento preditivo é uma maneira de otimizar esse trabalho. 

É uma metodologia que analisa dados levantados durante os processos seletivos, diagnosticando certos padrões dos candidatos. Isso permite ao recrutador uma previsão de comportamento do profissional, caso ele seja contratado. 

Vamos mostrar quais são as vantagens de implementar esse procedimento na sua empresa. 

O que o recrutamento preditivo faz? 

Ao construir o Job Profile é usado um banco de dados, o conhecido big data, para fazer as correlações e predições de sucesso do profissional ao cargo proposto. 

Para o melhor entendimento do Recrutamento Preditivo vamos descrever uma cena normal para captação de um talento: A empresa XX precisa de um profissional de Comunicação, assim é traçado um perfil para esse cargo:  

  • Criatividade; 
  • Sociabilidade; 
  • Capacidade de trabalhar em equipe; 
  • Adaptação a uma cultura inovadora e disruptiva. 

A análise desse profissional acima será feita lavando em consideração todas as solicitações da gestão e correlacionando os matchs com a cultura, com a gestão e como será a performance executando tal atividade. 

A partir da avaliação de todos os dados é iniciado o processo preditivo. O recrutamento e seleção passará a acontecer de maneira mais precisa e a predição do sucesso deste profissional dentro da organização passa a ser constatada por dados, além de gráficos de fácil visualização e interpretação. 

recrutamento preditivo utiliza testes de avaliação das soft hard skills, reconhecendo os pontos fortes e fracos na força de trabalho e identificando a necessidade de uma liderança específica. Determinado profissional se adéqua mais a um tipo de liderança. 

Entretanto, o mais interessante de todo esse processo é a visão de uma adaptabilidade macro, em que se leva em conta a cultura da empresa, as competências exigidas e a forma de trabalhar dos colaboradores. Como todo estudo baseado em dados sempre terá um uso maior que apenas o intuitivo. 

Esse cruzamento de dados também indicará os motivos pelos quais a organização afasta talentos. Isso gera informações capazes de repensar o posicionamento da organização e leva insights de mudanças e adequações para maior estabilidade profissional e desenvolvimento as equipes. 

Por que implementar o recrutamento preditivo? 

  • Otimizar recursos; 
  • Conseguir mais assertividade nas escolhas; 
  • Privilegiar a eficiência; 
  • Investir tempo e recursos com mais sucesso. 

Por se tratar de uma metodologia que utiliza softwares de inteligência artificial e big data, pode parecer informações exageradas e algo complicado. Porém se trata de um processo automatizado, que potencializa os processos de recrutamento e seleção realizando as porcentagens visuais de sucesso. 

As decisões agora são amparadas por dados. Mais confiança e segurança para seguir com determinada estratégia, seja de contratação ou de desenvolvimento. 

Com os resultados do recrutamento preditivo, o gestor saberá como lidar com o profissional contratado, já que os dados fornecem informações específicas sobre o seu estilo de habilidades comportamentais, as soft skills. 

Essas correlações geram elementos importantes para uma tomada de decisão mais consciente e consistente da equipe e dos gestores. Ao utilizar um modelo de recrutamento e seleção baseado na interpretação eficiente de dados, as decisões tem mais precisão. 

As chances de contratar um profissional alinhado com a cultura organizacional é maior. 

Os critérios utilizados na análise são objetivos, diminuindo as porcentagens de erro geradas quando a intuição do recrutador é o que mais se leva em conta, como nos processos tradicionais. Sim, o recrutamento preditivo é o futuro e o agora do recrutamento e seleção.  

A otimização de recursos em um novo patamar de eficiência. Implementar o recrutamento preditivo na sua empresa leva o recrutamento e seleção a um novo nível. 

Compartilhe nas redes sociais

Deixe seu comentário